Nizardo Wanderley

Cavaleiro Solitário

Textos

FIM DE CONTRATO
 
Não deves te culpar pelo cruel fracasso
Que se alojou nas nossas almas enfadonhas,
O nosso caso foi ceifado por tristonhas
Palavras que o levaram ao crucial cansaço.
 
Ultimamente, quando nós nos encontrávamos,
Faltava-nos vontade até para brigarmos
E em vez de restaurar a dor e nos amarmos
Ficávamos imóveis e nem nos olhávamos.
 
Mas não guardemos mágoas nem ressentimentos,
Deixemos que o futuro embale os sentimentos
Que ainda nos restou na alma que inda chora...
 
Que encontres n’outro ser o que em mim não tiveste,
E esse, que chorando, a capa de fel veste
Dá-te o último beijo (à testa) e vai embora.
Nizardo Wanderley
Enviado por Nizardo Wanderley em 07/06/2009
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor). Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras